Notícia 29/05/2017

PR: Recorde de doação efetiva de órgãos

De acordo com a Central Estadual de Transplantes (CET), foram 47 doações realizadas no mês de abril. Recorde anterior era de agosto de 2016. 
O Paraná registrou recorde no número de doações efetivas de órgãos em abril deste ano. De acordo com dados da Central Estadual de Transplantes (CET), foram 47 doações. O recorde anterior era de agosto de 2016, quando foram realizadas 45 doações. 
Nos quatro primeiros meses deste ano, ocorreram 149 doações de órgãos no Paraná. O que, de acordo com a Secretaria de Saúde, coloca o Paraná na condição de segundo estado com maior número de doações efetivas do país. 
Todas as doações são feitas por intermédio da CET, que é a responsável tanto por conversar com as famílias de possíveis doadores como por gerenciar e coordenar a fila de quem espera por um transplante. 
A doação 
A doação de órgãos e tecidos só pode ser com autorização da família do paciente. Os profissionais da área orientam a que as famílias conversem sobre o assunto para saber a intenção de cada um em doar. 
Existe a possibilidade de doações entre parentes vivos. Neste caso é realizada uma série de exames médicos. Já doações entre não parentes depende de autorização judicial.

Fonte: (RPC)

Total de visita(s): 250

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site.
Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.