MS: Ministério fala em 3 casos de febre amarela em investigação

23/01/2018 | 09:34

 

Secretaria de Estado diz que os casos suspeitos foram registrados em São Paulo. 
O Ministério da Saúde afirma que Mato Grosso do Sul tem três casos de febre amarela em investigação e um descartado. A Secretaria de Estado de Saúde contesta os casos suspeitos e diz que foram registrados em São Paulo. 
Os pacientes afirmaram ter passado por Mato Grosso do Sul e, como o estado é região endêmica da febre amarela silvestre, os casos estão em investigação por aqui também. Esses casos foram registrados entre julho de 2017 e janeiro de 2018. 
O último caso confirmado de febre amarela em Mato Grosso do Sul foi registrado em 2015. 
Vacina 
A Secretaria de Estado de Saúde diz que tem 80 mil doses da vacina disponíveis nos postos de saúde. Estoque e cobertura vacinal são considerados satisfatória. A última campanha de vacinação foi no começo de 2017, na época da epidemia em Minas Gerais. 
Em nota técnica sobre a febre amarela, dia 18 de janeiro, a Secretaria Estadual de Saúde alertou para a necessidade de regularização vacinal de toda a população de Mato Grosso do Sul, com enfoque em pessoas que vivem em áreas rurais. 
Profissionais da saúde afirmam que quem já tomou a vacina pelo menos uma vez na vida já está imunizado e não precisa de mais uma dose.

Fonte: (Gabriela Pavão - G1)